Blog

21 de dezembro de 2016

novas-tecnologias-em-sala-de-aula

A influência das novas tecnologias em sala de aula

Para os alunos a adaptação às novas tecnologias em sala de aula pode ser tranquila. Por outro lado, este não é o caso de muitos professores. Eles enfrentam certas dificuldades com a inovação. Mas ainda assim, o perfil do estudante está mudando.Pensando nisso, cada vez mais é importante incluir novas ferramentas para aprimorar o processo de ensino. Mesmo com certa resistência no começo. São inúmeras novidades relativas às tecnologias. Por exemplo, o uso de celulares em sala de aula, que pode ajudar na aprendizagem e no preparo dos jovens para o mercado de trabalho.

Influências das tecnologias em sala de aula

Indiscutivelmente, é um benefício para o estudante ter aulas com um professor que explore recursos tecnológicos. Esse comportamento ocorre em aulas presenciais ou no EAD. Em contrapartida, seja por falta de tempo ou de motivação, nem todos os docentes estão preparados para estar nesse fluxo. Eles se mantém na contramão de toda a evolução de metodologia pelas quais as IES estão passando. 

Sucesso dos alunos

Hoje, sabe-se que a tecnologia é uma aliada da educação, influenciando diretamente o sucesso dos alunos. Algumas escolas e universidades já incluem gamificação, conteúdos em vídeo e diferentes outros métodos ativos em que o aluno se torna protagonista na sala de aula. As ferramentas permitem, por exemplo, a personalização do processo de aprendizagem. Isso ocorre com aplicativos e softwares que, utilizando inteligência artificial, são capazes de assimilar o nível de conhecimento e como o estudante aprende.

Apoio aos professores

Outro indicador da influência das novas tecnologias em sala de aula é a disponibilidade de recursos ricos e interativos, que facilitam o ensino e apoiam o professor na definição da estratégia pedagógica mais eficaz. Além, é claro, de estarem disponíveis em qualquer plataforma, a todo momento e em qualquer lugar, democratizando a educação. Tudo isso torna o uso de novas soluções fator determinante para dialogar com o estudante de hoje e prepará-lo para o futuro.

As tecnologias em sala de aula não substituem o professor, ao contrário: permite que ele utilize seus conhecimentos e os ensine de forma inovadora. A seguir, veja que ferramentas já estão sendo utilizadas a favor da educação.

a influência das novas tecnologias

Atenção maior dos estudantes

Jogos, animações, vídeos e simuladores naturalmente atraem a atenção de crianças, jovens e adultos. Por isso, nada mais natural do que utilizar esses recursos para apoiar a prática pedagógica dentro e fora de sala de aula. Com as ferramentas, é possível que professores facilitem a absorção de conhecimento, trabalhando diferentes competências e conteúdos. Isso ocorre desde a matemática básica a anatomia. Além de criar a possibilidade de planejar atividades educativas mais criativas e motivadoras.

Outra grande vantagem dos objetos digitais é que permitem que estudantes os utilizem por conta própria ou com a ajuda de familiares, funcionando como um reforço do conteúdo de sala de aula. Os professores também podem inserir elementos de gamificação – com toda a lógica de um jogo, inclusive as recompensas e mudanças de nível – para estimular a busca por conhecimento.

Ferramentas de comunicação a partir de tecnologias em sala de aula

As redes sociais (dentro do Ambiente Virtual de Aprendizagem ou não) são poderosas ferramentas de comunicação. Elas podem ser utilizadas para o desenvolvimento de atividades de diferentes conteúdos curriculares, de diferentes formas:

  • criação de comunidades para discussões e compartilhamento de informações complementares às vistas em sala de aula, inclusive em diferentes formatos multimídia;
  • invenção de palavras-chave, como uma hashtag no Twitter, que estimule os alunos a compartilharem diariamente conhecimentos adquiridos na aula;
  • ensinando os estudantes a localizar e reconhecer vídeos com conteúdos relevantes em suas buscas pela web, entre outros.

A troca de informações e conteúdos entre professores de diferentes instituições também pode ocorrer nas redes sociais, sendo uma boa forma de se envolver na comunidade acadêmica. Veja outras habilidades que os professores de hoje precisam ter.

novas tecnologias

Ferramentas de produção a partir de tecnologias em sala de aula

Apresentar o conteúdo das aulas na forma de texto não é mais tão atrativo. Mas nem sempre se encontra o vídeo certo para determinado conteúdo. Por isso, ferramentas que permitem que o professor consiga encontrar a forma certa de tornar seu material didático atraente são fundamentais. Como por exemplo, produzir apresentações animadas, infográficos ou editar áudios são fundamentais.

Existem diferentes sites e aplicativos disponíveis gratuitamente na internet que permitem essas e outras soluções. Dessa maneira, está gestão e produção de planilhas, organização de materiais de aula e agenda. Além disso, diferentes bases de dados também facilitam o armazenamento das informações em nuvem. Assim, deixando-as disponíveis em qualquer lugar, facilita o compartilhamento com os alunos.

Em alguns cursos de graduação e especialização, blogs de conteúdo, vídeo e fotos são boas formas de estimular os alunos a publicarem portfólios online. O uso dessas ferramentas permite que se tornem ainda mais inovadores. Além de colaborar para que o professor acompanhe a produção em tempo real.

Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA)

O Ambiente Virtual de Aprendizagem é uma solução tecnológica que facilita a troca de informações e o acompanhamento da evolução de cada aluno. No curso de EAD, é onde todo o processo de ensino acontece, substituindo a sala de aula física. Nele, é possível publicar conteúdos, notas e tarefas. Além de incentivar a interação entre estudantes, promovendo toda a gestão do aprendizado.  

Além disso, os softwares AVA mais avançados permitem personalizar o ensino com plataformas adaptativas, que avaliam dados e de que forma cada estudante aprende, propondo atividades diferentes para cada aluno.

A tecnologia está presente não só na rotina de professores, alunos e pais. Mas também faz parte do processo educativo de diversas instituições.

Leia também:
Conheça o case da Universidade de Groningen, em que o uso de soluções inovadoras impactou positivamente diferentes resultados.